Desabafos
Olá, bem-vindo à comunidade Desabafos e Ajuda

Em primeiro lugar para te juntares à nossa grande comunidade terás de te registar no nosso Forum.
E ao registares deixa teu comentário tudo que quiseres desabafa diz tudo o que te vai na alma nao tenhas medo e sem esqueçer nao tomes nenhuma atitude vive a vida todos percisao de TI.
Desabafos

concelhos e ajudas


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Suicídio Virtuoso

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Suicídio Virtuoso em Sab Jun 08, 2013 12:35 am

seender

avatar
Fundador
Fundador
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Cada lágrima derramada, guardada num baú de cristal…

Cada pedaço de minh’alma sendo levado, aos poucos pelo descanso teu.

Enxugar lágrimas é fácil, difícil é fazer com que cessem. Tentar preencher o que já foi roubado, trivial, mas aquela parte que se foi… nunca mais será recuperada !

Feridas se abrem causando dor, isso são cicatrizes. Buracos tapados de maneira tosca, despreocupada, apenas para conter as lágrimas.

Do alemão Liebespel, do inglês Love Game, do português “brincar de amar”. Quem não brinca ?

Aqueles que acreditam que o amor possa existir. Aqueles que constroem castelos de sonhos, e que se enganam, se iludem, caem, machucam-se, humilham-se, perdem totalmente o amor próprio e, mesmo assim, continuam na mesma utopia… um amor que se encontra apenas, e somente em contos de fadas. Contos esses que vivemos só em nossos sonhos, na esperança de que um dia, talvez, possa vir a ser realidade.

As lágrimas salgadas que cicatrizaram as feridas, os buracos tapados pelo sal grosso de um gozo, tão profundo que dor e prazer parecem um só. Do baú, para uma enorme taça. Da taça para lábios mentirosos, dos lábios para os pulsos já cortados, dos pulsos para uma fria e silenciosa sepultura.

Lágrimas incasáveis, olhos rubros… Lágrimas incasáveis para alguém que se desiludiu, para alguém que tem medo de amar, para alguém que não quer mais sofrer, mas que não desiste. A esperança, a expectativa, o sonho de um dia ser feliz não nos deixam desistir e é esse medo, misturado a uma vontade incontrolável de amar aonde encontrarei minha ruína.

Quero uma sepultura de pedra negra, tão sombria como uma noite de tempestade coberta de rosas vermelhas, feitas de sangue - todo sangue que meu coração romântico derramou. Coração esse que nunca deixou de amar enquanto batia. Quero uma chuva violenta, numa tarde fria, que lave o sangue de minh’alma. Quero um anjo feito de luz, de amor puro e sincero que me liberte dessa escuridão e me leve pra onde todos são felizes !

Ver perfil do usuário http://desenho.ativoforum.com

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum